Logotipo Expressão Regional

Home Cultura e Lazer

Prefeitura de Itapevi premia vencedores do 2º Concurso de Poesia Negra

24/11/2021

  Ao todo, 15 pessoas conquistaram troféus, da 1ª a 3ª colocação, nas categorias infantil, adolescente, jovens adulto e terceira idade

A Prefeitura de Itapevi premiou, na última sexta-feira (20), os 15 vencedores do 2º Concurso de Poesias sobre a Consciência Negra de Itapevi. O tema do concurso de poesias foi “Beleza Negra” para a categoria Infantil e “O Negro no Contexto Atual” para Adolescentes e Jovens. Já Adultos e Terceira Idade foi “Cultura Negra e Suas Raízes”. O evento aconteceu na Biblioteca Municipal Monteiro, no Centro.

O concurso premiou com troféus as três melhores poesias de cada categoria. O quarto e quinto colocados receberão, em breve, certificados de participação de honra ao mérito. Em virtude da pandemia, foram chamados apenas os três primeiros colocados para a premiação presencial.

Critérios de avaliação

Uma comissão julgadora foi composta por três professores da Secretaria de Cultura e Juventude e avaliaram os seguintes critérios: criatividade, originalidade, coerência e ortografia, todos enaltecendo a cultura negra.

Confira abaixo os vencedores por categoria:

Infantil (de 8 a 11 anos):

1º Lugar – Maria Eduarda Barbosa Lima (Poesia – Joãozinho e Terezinha)

2º Lugar – Melissa Lima Alves (Poesia – Mariazinha e a Trancinha)

3º Lugar – Maria Rita Santos (Poesia – Menina Bonita).

Adolescente (de 12 a 17 anos):

1º Lugar – Marcos Gabriel dos Santos (Poesia – Ancestrais)

2º Lugar – Giovana Vitória Gomes dos Santos (Poesia – Consciência Negra por uma garota branca)

3º Lugar – Pedro Washington da Silva (Poesia – O navio de hoje)

Jovens (de 18 anos a 29 anos):

1º Lugar -Andressa da Silva (Poesia – Cotidiano)

2º Lugar – Hugo Lopes de Souza (Poesia – Visão acromática)

3º Lugar – Caroline Santos Silva (Poesia – Podemos)

Adultos (de 30 anos a 59 anos):

1º Lugar – Joel Nascimento Rodrigues (Poesia – África? Presente!)

2º Lugar – Jozinete de Oliveira (Poesia – Raízes)

3º Lugar – Eduardo Luiz Silveira (Poesia – Cine Negro)

Terceira Idade (de 60 anos ou mais):

1º Lugar – Elisabete de Carvalho Mello (Poesia – Isso é coisa de Preto)

2º Lugar – Maria de Fátima da Silva Rabelo (Poesia – A beleza da cultura negra)

3º Lugar – Ivonete Jordelina de Souza (Poesia – Lembranças de um passado)

Semana da Consciência Negra recheada de novidades

Para celebrar as festividades do Dia da Consciência Negra (20 de novembro), a Prefeitura programou uma série de eventos com o objetivo de valorizar o negro, sua cultura e ressaltar a importância social. O primeiro deles ocorreu no dia 17 de novembro, com a posse da Comissão da Promoção da Igualdade Racial – Proracial. O evento aconteceu no hall de entrada da Prefeitura, na Vila Nova Itapevi.

A Comissão é destinada a garantir a igualdade de oportunidade, a defesa dos direitos individuais e coletivos, visando a promoção da igualdade racial. É voltada à prevenção, ao combate ao racismo, à discriminação e ao preconceito racial, assim como as ações desenvolvidas para a valorização da população negra de Itapevi.

A Comissão surge ainda para ajudar a esclarecer o entendimento é de que “a raça continua sendo um recurso político–ideológico de estigmatização, segregação, dominação e exploração em todo o mundo, afetando a vida social e as relações de poder em prol de uma sociedade desigual”, explica Letícia Dionísio, assessora de programas especiais da Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania.

No sábado (20), a Prefeitura promoveu, na Praça 18 de Fevereiro, uma tarde de eventos que começou com a montagem da Exposição Representatividades Negras, com personalidades de Itapevi e com a presença do casal de sambistas Valdecir Viana e Ana Eunice Franco, do Centro de Convivência do Idoso (CCI). As festividades também contaram com a apresentação da cantora Drag D’Lucca e do grupo Senhores do Samba.

No último domingo (21), foi realizado o “Dia do Hip Hop”. A iniciativa integra o calendário oficial da cidade. O evento aconteceu no Parque da Cidade. Todas as atrações transitaram entre o Soul, Black Music e o Hip Hop.

As festividades têm como objetivo criar mecanismos de integração da juventude, visando o combate às drogas e implementar debates como forma de combate a qualquer tipo de discriminação.

Fotos: Pedro Godoy / Ex Libris/ PMI


Horóscopo
Flavio Ricardo | Creative Retouch

©2021. Expressão Regional. Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Avesso Digital