Logotipo Expressão Regional

Home Brasil

Mourão: “Relação Brasil-China sempre foi de alto nível”

23/05/2022

Declaração foi dada pelo vice-presidente depois da 6ª reunião da Cosban

Brasil e China realizaram virtualmente, nesta segunda-feira (23), a 6ª sessão plenária da Comissão Sino-brasileira de Alto Nível de Concertação e Cooperação (Cosban). Instituída em 2004, a Cosban é o principal mecanismo de coordenação da relação bilateral entre o Brasil e a China e é comandada pelos vice-presidentes dos dois países.

Depois da reunião, Hamilton Mourão, vice-presidente, concedeu uma entrevista coletiva. Questionado sobre as consequências das declarações de autoridades brasileiras sobre a China durante a pandemia, Mourão destacou que “houve alguns ruídos”, mas que relação foi sempre mantida em “alto nível.”

O vice-presidente ainda falou sobre os impactos das estratégias chinesas de combate a pandemia. “A China adotou uma estratégia de enfrentamento da Covid totalmente distinta do restante do mundo pelas características, vamos dizer assim, do país e do seu sistema de governo. Ela adota essa estratégia de Covid zero, que volta e meia causa uma ruptura em termos das cadeias de suprimento globais, porque ela dá uma parada na economia”, disse Mourão.

No documento assinado pelos vice-presidentes dos dois países, China e Brasil avaliaram que a relação de cooperação entre as nações durante a pandemia tem sido bem-sucedida. O vice brasileiro chegou a citar a produção de vacinas em parceria com o Instituto Butantan e a fundação Fiocruz, como um dos principais acordos bilaterais entre os países.

“Vamos lembrar que nós compramos 100 milhões de doses da Coronavac, nesse convênio com o Butantan, além disso recebemos insumos para a produção da AstraZeneca na Fiocruz, ou seja, essa parceria em termo do enfrentamento a pandemia foi extremamente positiva para nós aqui no Brasil, e óbvio para relação comercial com a China”, ressaltou Mourão.

Sobre novos encontros entre os países, Hamilton Mourão relembrou que o presidente Jair Bolsonaro deve se encontrar com o líder chinês, Xi Jinping, em junho, na reunião dos BRICS.

Por: Pedro Teixeira CNN

Pequeno Polegar - Matrículas 2023
Horóscopo
Flavio Ricardo | Creative Retouch

©2024. Expressão Regional. Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Avesso Digital